Óbvio e clichê

by Stereomotive

/
  • Streaming + Download

    Includes high-quality download in MP3, FLAC and more. Paying supporters also get unlimited streaming via the free Bandcamp app.

      name your price

     

1.
2.
3.
4.
03:47
5.
6.
02:59
7.
8.
9.
02:11
10.
03:05
11.
05:25
12.
04:59

credits

released July 20, 2012

Recorded in Estudio El Rocha in 2012. Produced by Stereomotive and Fernando Sanches. Engineered by Fernando Sanches. All music and lyrics by Stereomotive, except "Respostas" by Ronaldo Aguiar and Marcelo Carrara.

tags

license

all rights reserved

about

Stereomotive São Paulo, Brazil

Four minds and countless visions about the contradictory art of arranging chords over the old and new equations, and so, all matters we observe point to the new, trying to be new, but... what is new? we don't have the pretension to change trends, we just want to play and heard our thoughts according to our ideals... what if we are just creating our own music? ... more

contact / help

Contact Stereomotive

Streaming and
Download help

Track Name: LER (Ninguém Consegue estar certo-errado o tempo todo)
por que eu não temo mais o que eu não vejo, o que eu não posso entrever... entendo, mas dispenso tentar me enganar. por que eu não creio mais no que não vejo, mas me perco entre cercos dos quais não posso escapar... (fingir) -- isso eu sempre fiz tão bem. (mentir) -- isso eu sempre fiz tão bem. porque eu não perco mais meu tempo tentando entender. não perco mas me perco mais tentando encontrar. eu não consigo estar certo/errado o tempo todo (ninguém consegue). (fingir, mentir) -- isso eu sempre fiz tão bem...
Track Name: Óbvio e clichê
queria ser mais do que ser tão óbvio, queria ter mais à dizer do que simples clichês. mas palavras não são contratos e nem beijos são contratos: eu apenas queria ser mais que um pseudo-proto-qualquer-coisa drama-king-fake-borderline, por eu ser tão óbvio e clichê... queria ser mais que tão redundante, queria ser mais que tão evidente... mas promessas não são certezas, e certezas provam nada. eu apenas queria pedir perdão por todas as vezes que eu serei -- óbvio e clichê.
Track Name: Eu sei mentir
eu começarei pelo fim: (nem tudo faz sentido--qualquer coisa que eu disser será pior) como sempre, eu estraguei tudo... eu sempre quis ter vícios, eu sempre quis ter onde me esconder (sou alérgico à aspirinas). eu nunca acreditei: eu sempre soube quando ir embora, eu sempre soube perder... eu não consigo lembrar como eu pude esquecer. eu estraguei tudo... você nunca entenderia, você nem liga: você me pergunta sobra coisas que eu não sei--eu sei mentir. interne-me, termine de uma vez! eu começarei pelo fim: é, como sempre, eu estraguei tudo... (e isso eu sempre fiz tão bem)
Track Name: Agora
você diz nao ser mais quem eu conheci, você diz ser melhor agora. você diz não ver mais as coisas como sempre vimos, diz estar a salvo agora. não vou desistir de te ver livre. e o que dizer pra alguem que não quer te ouvir? o que dizer? "não vou desistir de te ver livre"? você ainda é quem eu sempre conheci, você ainda está vivo agora -- e o agora é o que mais importa aqui -- e ninguem está a salvo agora...
Track Name: Não me dê ouvidos
o que eu vou dizer são frases em vão: esqueça então o que eu disser... enfim, esse é o mais perto que eu posso estar sem que eu possa te tocar (é muito cedo pra partir se eu não tenho pra onde ir). o que eu disser serão frases em vão... diga-me então o que dizer? enfim, esse é o mais longe que eu posso estar, que eu ainda possa me lembrar (é muito tarde pra partir se eu não tiver pra onde ir). o que eu disser serão frases em vão... diga-me então o que dizer enfim? o que eu disse são só frases em vão... esqueça então o que disse, enfim...
Track Name: Impor
há tanto tempo você tem estado criando as regras: o certo e o errado, o bem e o mal, como lhe convem. não vou mais te ver impor o que julga servir melhor. há tanto tempo voce tem ditado como me comportar: falsas verdades e a indocrinação de superstições. não vou mais me evadir ou aceitar sem reagir: não vou mais te ver impor o que julga servir melhor. eu quero você fora da minha vida... fora daqui!
Track Name: Se eu disser não
e se eu disser "não"? -- não posso viver com tão pouco (enquanto disfarço o desgosto) não quero morrer por tão pouco.. e se eu disser "não"? -- não posso ver nexo em enganos (enquanto esquecemos quem somos, estando no estado em que estamos) e se eu disser quer não vou mais te esperar? e que eu nao vou mais tentar te agradar, não vou mais dizer que "sim", não vou mais concordar... e se eu disser "não"? -- não posso olhar pro se rosto -- disfarço o desgosto do engano -- de quando esquecemos quem somos: não quero morrer por tão pouco
Track Name: Prefiro não acreditar
voce vem me dizer sobre o quao melhor poderia ser se eu viesse a aceitar... mas mesmo que doa a verdade eu fico com a verdade que eu tento à tempos te mostrar. prefiro nao acreditar do que me iludir, prefiro desacreditar... prefiro nao te respeitar do que fingir, eu nao irei mais aceitar. eu tenho meus motivos -- mas porque voce nao me mostra os seus? ou me de algo a considerar... me mostre alguma evidencia, me de alguma evidencia, alguma razao pra que eu venha a me importar. preferiria te ignorar do que insistir -- sei que voce nao vai mudar... mas é preciso acordar e reagir: nao é possivel mais deixar que voce decida sobre coisas como te convem e imponha o seu olhar... pois em todos os lugares sua sombra de autoridade continua a me forçar, me forçar... prefiro nao acreditar do que me iludir, prefiro desacreditar... prefiro nao te respeitar do que fingir eu nao irei mais te aceitar, não...
Track Name: Ruínas
se você soubesse que tudo iria mudar talvez olhasse em meus olhos e dissesse a verdade... não tivesse que mentir, omitir as palavras ou apenas deixar o tempo curar tantas questões sem respostas e dúvidas sem solução. porque insistir em construir seus castelos de ódio sobre as eternas ruínas da incerteza?
Track Name: ETQMLVC
por ser e estar tão certo que não há mais volta, eu esqueço tudo que me lembre você.
Track Name: Catarse
pensei que estivesse além do qual pensei que estivesse além do que hoje vejo não ser nada mais do que tempo a passar. se abra sob mim a terra e me leve pra qualquer lugar. me leve pra um lugar qualquer. será real? será real ou apenas tentamos nos enganar o tempo todo? era real? se abra sob mim a terra e me leve pra qualquer lugar. me leve pra um lugar qualquer (que não aqui)...
Track Name: Respostas
respostas nao me importam mais, sao apenas palavras que o tempo há de deixar pra trás, da mesma forma que um dia me deixou. respostas nao me impostam mais, estamos tão sós...
talvez seja melhor assim: prefiro estar sozinho a ter que te servir... respostas não me importam mais, não quero olhar pra trás e perguntar "onde é que eu errei?"... perguntas nao me importam mais... nao há nada pior do que viver de ilusoes: num sonho estes dias eu te encontrei... respostas nao me importam mais, só quero esquecer, e nunca mais lembrar quem foi voce.... voce nao sabe sobre o que eu passei e por onde eu estive e que tudo que eu fiz foi por voce... voce nao sabe nada sobre mim... e sobre os meus sonhos, tudo mudou... respostas nao me importam mais...